Ah e tal... Coiso... Mais um blog pessoal -_-'
comentar
escrito por RV, em 15.02.09 às 17:43link do post | | Adicionar aos Favoritos

Já fui assinante da Revista Exame Informática até há bem a pouco tempo e cheguei a ler um artigo sobre o Cartão Único e as suas vantagens. Prático, fácil e compatível com a vida online do sujeito xD

 
Unifica tudo no mesmo lugar e isto até é vantajoso! 3 ou 4 cartões num único e o BI passa de uma chapa de meio metro para o regular tamanho "cartão de crédito". Também já li sobre a polémica da maior facilidade de copiar dados, apesar da Exame Informática garantir que tem uma meia dezena de "protolocos", "chips", "bandas magnéticas", "palavras-chave" e demais segurança (faltou a nano-chave, literalmente falando que seria codificada para uma nano-fechadura específica, mas acho que não incluiram isso por falta de espaço... ou quem sabe porque não acharam estético).
 
Depois temos o efeito "Globalização". Todos são pró-evolução mas ao mesmo tempo anti-big-brother. Criamos um impasse o tempo todo. Queremos usar o twitter, a geoposição do google e partilhar a todos no mundo o nosso Olá5, JovensPT, Ovi, Orkut, etc, etc, etc. E depois andamos ai ai, ai ai que os homejacking (assaltos?) e outros crimes sobem... (A é assaltado por B. Incrivelmente A tem um perfil no Hi5 de acesso livre. B ao vasculhar o Hi5 encontrou fotos de toda a casa, o suficiente para fazer uma maquete à escala de todas as paredes, portas, objectos e até família. B aprende hábitos, posições de objectos, horários e rapidamente chega à morada - vai-se pelo nome, mail e acaba-se com um registo qualquer, perdido na web, onde possivelmente tem lá uma morada...)
 
Tentando não me prolongar nesta introdução, falamos todos na polémica do Big Brother, da perca da privacidade, mas se não temos um Twitter, estamos off-line xD
 
E fica um e-mail recebido excelente, em como o Cartão Único será óptimo para a globalização das informações de um indíviduo. Mas fora os perigos, continua a ser seguro. Segundo a Exame Informática, apenas o Utilizador tem acesso a todos os dados, mediante a colocação de uma palavra-chave específica.
- Telefonista: Pizza Hut, boa noite!
- Cliente: Boa noite, quero encomendar Pizzas...
- Telefonista: Pode-me dar o seu NIN?
- Cliente: Sim, o meu Número de Identificação Nacional é o 6102 1993
8456 5463 2107.
- Telefonista: Obrigada, Sr. Lacerda. O seu endereço é na Avenida Paes de
Barros, 19, Apartamento 11, e o número do seu telefone é o 21549 4236, certo?
O telefone do seu escritório na Liberty Seguros, é o 21 574 52 30 e o
seu telemóvel é o 96 266 25 66, correcto?
- Cliente: Como é que conseguiu todas essas informações?
- Telefonista: Porque estamos ligados em rede ao Grande Sistema Central.
- Cliente: Ah, sim, é verdade! Quero encomendar duas Pizzas: uma Quatro
Queijos e outra Calabresa...
- Telefonista: Talvez não seja boa ideia...
- Cliente: O quê...?
- Telefonista: Consta na sua ficha médica que o senhor sofre de hipertensão
e tem a taxa de colesterol muito alta. Além disso, o seu seguro de
vida proíbe categoricamente escolhas perigosas para a saúde.
- Cliente: Claro! Tem razão! O que é que sugere?
- Telefonista: Por que é que não experimenta a nossa Pizza Superlight, com
Tofu e Rabanetes? O senhor vai adorar!
- Cliente: Como é que sabe que vou adorar?
- Telefonista: O senhor consultou a página 'Receitas Gulosas com Soja' da
Biblioteca Municipal, no dia 15 de Janeiro, às 14:27 e permaneceu
ligado à rede durante 39 minutos. Daí a minha sugestão...
- Cliente: Ok, está bem! Mande-me então duas Pizzas tamanho familiar!
- Telefonista: É a escolha certa para o senhor, a sua esposa e os vossos
quatro filhos, pode ter a certeza.
- Cliente: Quanto é?
- Telefonista: São 49,99.
- Cliente: Quer o número do meu Cartão de Crédito?
- Telefonista: Lamento, mas o senhor vai ter que pagar em dinheiro. O
limite do seu Cartão de Crédito foi ultrapassado.
- Cliente: Tudo bem. Posso ir ao Multibanco levantar dinheiro antes que
chegue a Pizza.
- Telefonista: Duvido que consiga. A sua Conta de Depósito à Ordem está com
o saldo negativo.
- Cliente: Meta-se na sua vida! Mande-me as Pizzas que eu arranjo o
dinheiro. Quando é que entregam?
- Telefonista: Estamos um pouco atrasados. Serão entregues em 45 minutos.
Se estiver com muita pressa pode vir buscá-las, se bem que transportar
duas Pizzas na moto, não é lá muito aconselhável. Além de ser perigoso...
- Cliente: Mas que história é essa? Como é que sabe que eu vou de moto?
- Telefonista: Peço desculpa, mas reparei aqui que não pagou as últimas
prestações do carro e ele foi penhorado. Mas a sua moto está paga e
então, pensei que fosse utilizá-la.
- Cliente: Foooddddddd.......!!!!!!!!!
- Telefonista: Gostaria de pedir-lhe para não ser mal educado... Não se
esqueça de que já foi condenado em Julho de 2006 por desacato em
público a um Agente da Autoridade
- Cliente: (Silêncio).
- Telefonista: Mais alguma coisa?
- Cliente: Não. É só isso... Não. Espere... Não se esqueça dos 2 litros de
Coca-Cola que constam na promoção.
- Telefonista: O regulamento da nossa promoção, conforme citado no artigo
095423/12, proíbe a venda de bebidas com açúcar a pessoas
diabéticas...
- Cliente: Aaaaaaaahhhhhhhh!!!!!!!!!!! Vou atirar-me pela janela!!!!!
- Telefonista: E torcer um pé? O senhor mora no rés-do-chão...!
Temas: , ,

+ Sobre quem Bloga
Vasculhar
 
Links
Sites que referem para o Antrum
Coloque o link para este blog e o seu site figurará aqui!
Coisas Velhas!